Mesmo que sua conexão com a Internet seja de alta velocidade, às vezes ela pode ficar muito lenta. Este artigo ajuda a identificar os problemas que podem surgir, aprender o que pode ser feito para resolvê-los e a descobrir como obter o máximo benefício da conexão com a Internet.

Windows O oferece uma solução de problemas integrada capaz de localizar e resolver automaticamente alguns problemas comuns de conexão.

  • Para abrir a solução de problemas de Conexões de Internet, clique no botão IniciarImagem do botão Iniciar e em Painel de Controle. Na caixa de pesquisa, digite solução de problemas e clique em Solução de Problemas. Em Rede e Internet, clique em Conectar à Internet.

O tipo de conexão faz diferença

O tipo da conexão com a Internet que você usa é o fator mais importante para determinar a velocidade da conexão. As três maneiras mais comuns de conectar-se com a Internet em casa são dial-up, DSL e cabo. Se você puder escolher, a conexão por cabo normalmente é a mais rápida, mas tanto DSL e cabo são os tipos de conexão mais rápidos do que dial-up.

Muitos provedores de Internet também oferecem Serviço de Fibra Ótica (FiOS), que estabelece conexão com a Internet usando luz em uma rede óptica. Na sua casa, você ainda pode conectar seu computador usando fios de cobre. A vantagem do FiOS é que ele pode oferecer velocidades mais altas do que as conexões tradicionais de fio de cobre, como DSL ou cabo. Alguns provedores de Internet oferecem várias opções, dependendo da área em que você está. Áreas mais populosas têm mais probabilidade de ter o FiOS disponível. Consulte a companhia telefônica ou o provedor de Internet para obter mais informações.

Se você usar uma conexão dial-up, há algumas maneiras de otimizar a velocidade da Internet. Em primeiro lugar, use o modem mais rápido possível. O modem mais rápido que você puder usar enviará e receberá informações a uma taxa de 56 quilobits por segundo (Kbps). Você não terá uma velocidade máxima de 56 Kbps o tempo todo, mas, com uma boa linha telefônica, será possível atingir pelo menos de 45 a 50 Kbps.

Em segundo lugar, verifique se a linha telefônica está em boas condições. Se a fiação do telefone na sua residência ou no trabalho for antiga ou estiver deteriorando, você pode captar sinais erráticos ou cruzar a sua linha com outras linhas telefônicas. Esses problemas diminuem a velocidade da conexão com a Internet porque o modem precisa enviar as mesmas informações repetidamente até que sejam transmitidas sem interrupção. Verifique se os fios do telefone não estão danificados, cortados ou torcidos com outros cabos de energia ou de telefone. Se observar estalidos nos telefones, entre em contato com o provedor do telefone para que verifiquem se as linhas dentro e fora da residência estão em boas condições.

Dicas para usuários de redes sem fio

Quando você se conecta a uma rede sem fio (Wi-Fi), a velocidade da conexão com a Internet pode ser afetada pela localização do computador e a existência de outros dispositivos sem fio na mesma área. As redes sem fio operam em frequências semelhantes àquelas usadas por outros dispositivos, por exemplo, fornos de micro-ondas ou telefones sem fio. A operação de um telefone sem fio de 2,4 giga-hertz (GHz) perto do laptop sem fio de 2,4 GHz pode causar interferência ou bloquear por completo a conexão com a rede sem fio. Se você quiser fazer chamadas telefônicas enquanto navega na Web, use um telefone com fio comum ou um telefone sem fio que opere em uma frequência diferente daquela usada pela rede sem fio.

A proximidade com um roteador ou um ponto de acesso sem fio, bem como obstruções físicas, pode afetar a qualidade da conexão com a Internet. Para aumentar a velocidade da conexão, aproxime-se do ponto de acesso e verifique se não há obstruções físicas entre o ponto de acesso e o computador.

Inimigos dos computadores: spyware, vírus e outros programas

A saúde do computador pode afetar a conexão com a Internet. Spyware e vírus podem certamente causar problemas, mas a velocidade da conexão com a Internet também pode ser afetada por programas complementares, pela quantidade de memória do computador, pelo espaço em disco e sua condição, além dos programas em execução

Duas das causas mais frequentes do baixo desempenho da Internet são spyware e vírus. O spyware pode tornar o sistema mais lento, pois interfere no navegador e monopoliza a conexão com a Internet. O spyware monitora como você usa a Internet e as teclas que pressiona, que geram atrasos. O problema fica pior quando há vários programas spyware em execução ao mesmo tempo. Se o problema for grave demais, você poderá perder totalmente a conectividade. Para retomar o desempenho da Internet, você deve executar com frequência um programa antispyware para limpar todas as infestações por spyware. Para obter mais informações, consulte Verificar se há spywares e outros softwares potencialmente indesejados.

Os vírus de computador também podem ocasionar o mau desempenho da Internet. Quando um vírus infecta um computador, ele instala códigos de computador que tentarão se propagar, normalmente enviando cópias deles mesmos por email. Alguns vírus podem se multiplicar a uma velocidade de centenas de mensagens de email por minuto, o que reduz a potência de computação e a largura de banda da conexão com a Internet para outras tarefas. Os vírus em geral não fornecem indicações óbvias de que estão em execução, portanto, é melhor estar sempre executando o software antivírus. Para obter mais informações sobre como lidar com vírus, consulte Vírus: perguntas frequentes.

Os complementos de navegador também podem causar problemas de desempenho. Os complementos de navegador são programas, por exemplo, complementos de multimídia, barras de pesquisa ou outros programas que normalmente aparecem na barra de ferramentas do navegador. Muitos complementos de navegador podem proporcionar uma experiência de navegação sofisticada, oferecendo multimídia ou exibição de documentos especializados. No entanto, alguns complementos podem tornar a conexão com a Internet mais lenta. Se você suspeitar de que complementos estão causando o mau desempenho, tente iniciar o Internet Explorer no modo Complementos Desabilitados. Os complementos são desabilitados somente para a sessão, mas se perceber melhora no desempenho, você poderá usar o Gerenciador de Complementos para desativá-los permanentemente. Para acessar o Gerenciador de Complementos no Internet Explorer, clique no botão Ferramentas e, em seguida, clique em Gerenciar Complementos. Para obter mais informações, consulte Como os complementos do navegador afetam o computador?

Como todos os programas de computador, o Internet Explorer requer uma certa quantidade de potência de computação, memória e espaço em disco para ser executado com eficiência. Toda página da Web exibida é baixada primeiro na memória e, em seguida, salva em arquivos temporários de disco. A execução de outro programa que use muita memória e potência de computação pode competir com o Internet Explorer e causar atrasos. Se você acha que a conexão com a Internet está lenta e tiver outros programas em execução, feche-os. Se quiser executar vários programas, tente aumentar a memória do computador. Pouco espaço em disco também pode causar problemas de desempenho. Você pode aumentar o espaço em disco excluindo arquivos temporários do Internet Explorer. Para saber como excluir arquivos temporários, consulte Excluir histórico da página da Web.

Ocasionalmente, são alteradas configurações no Internet Explorer que podem afetar a forma como o Internet Explorer funciona. Você pode redefinir o Internet Explorer com as configurações padrão. Para obter mais informações, consulte Redefinir as configurações do Internet Explorer. A redefinição das configurações do Internet Explorer é irreversível; portanto, você deve ler a lista de configurações afetadas antes de efetuar a restauração.

Fatores externos que afetam a velocidade da conexão

Infelizmente, há eventos e condições que fogem ao seu controle. Mesmo com uma conexão rápida, fatores externos, por exemplo, sites muito visitados ou infecção por vírus de computador, podem tornar toda a Web mais lenta. Os sites populares podem ficar sobrecarregados com usuários. Por exemplo, quando um comercial de televisão menciona um site, muitas pessoas podem tentar visitar o site ao mesmo tempo. Se o site não estiver preparado para lidar com o tráfego, você pode experimentar atrasos.

Em épocas de infestações graves de vírus de computador, a Internet pode ficar lenta. Muitos vírus se espalham fazendo com que os computadores enviem centenas ou milhares de cópias do vírus. Esse volume de tráfego pode tornar a Internet lenta. Para saber quais são as principais infestações no momento, visite o site do fornecedor do antivírus ou o site Segurança em casa.

O congestionamento local da Internet também pode resultar em velocidades de conexão abaixo da normal. Esses congestionamentos ocorrem quando muitas pessoas tentam se conectar à Internet ao mesmo tempo e são mais frequentes em horários de pico de atividades, por exemplo, após o horário escolar, quando os estudantes chegam em casa e se conectam à Web.

Se você estiver em uma rede corporativa, o uso da rede em geral e do servidor proxy pode afetar o desempenho da Internet. A maioria dos administradores de rede monitora o uso da Internet e tenta impedir que as pessoas executem tarefas como baixar arquivos muito grandes durante os horários de pico. Se você acha que o acesso à Internet é lento às vezes, converse com o administrador de rede a respeito disso.