Declaração de privacidade do programa de software Microsoft genuíno

Última atualização: junho de 2013

A Microsoft está empenhada em proteger a privacidade dos utilizadores e em contribuir para proteger os seus clientes e parceiros contra software falsificado. A utilização de uma cópia genuína e devidamente licenciada de software Microsoft contribui para garantir que o utilizador terá acesso a todas as mais recentes funcionalidades e atualizações da Microsoft.

As ferramentas do programa de Software Microsoft Genuíno (designado por “Windows Genuine Advantage” no Windows XP e “Tecnologias de Ativação do Windows” no Windows Vista e no Windows 7) incluem:

  • A Validação, que determina se o utilizador está a executar uma cópia devidamente licenciada do software Microsoft. A validação deteta e pode desativar "exploits de ativação", que consistem em software que contorna ou ignora os componentes de ativação, validação ou licenciamento dos produtos Microsoft. A presença de exploits de ativação indica que um fornecedor de software ou hardware pode ter adulterado o software Microsoft genuíno para permitir a venda de software falsificado. Os "exploits" de ativação podem interferir com o funcionamento normal do seu software.

  • Notificações, que apresentam lembretes periódicos, como indicações da existência de problemas nos componentes de licenciamento do Windows ou se está disponível um Service Pack mais recente para o software Windows. Neste momento, o componente Notificações é fornecido no Windows XP, no Windows Vista e no Windows 7 e, em países selecionados, no Office XP, no Office 2003 e no Office 2007.

  • A Atualização de Deteção de Exploits de Ativação do Windows para Windows Vista e a Atualização das Tecnologias de Ativação do Windows 7, que são utilizadas para procurar exploits de ativação conhecidos e para o notificar se forem encontrados quaisquer exploits de ativação.

Para incentivar eficazmente a utilização de software devidamente licenciado, estas ferramentas foram concebidas para fazerem parte permanente do software Microsoft.

Que dados são recolhidos?

Para o ajudar a validar o seu software, as ferramentas de Software Microsoft Genuíno têm de recolher uma algumas informações de configuração e de estado do seu computador. As ferramentas não recolhem o seu nome, morada ou endereço de correio eletrónico.

As ferramentas recolhem informações como, por exemplo:

  • A marca e o modelo do computador

  • Informações padrão sobre o computador, como o endereço IP, a versão do sistema operativo, a versão do software, a versão do browser e as definições regionais e de idioma.

  • Um número exclusivo atribuído ao computador pelas ferramentas (Identificador Exclusivo Global ou GUID)

  • Chave de Produto (com hash) e ID de Produto

  • O nome, número de revisão e data de revisão do BIOS

  • O número de série do volume da unidade de disco rígido (com hash)

  • Se a instalação, caso tenha sido efetuada, foi bem-sucedida

  • O resultado da verificação de validação, incluindo códigos de erro e informações sobre qualquer "exploit" de ativação e qualquer software malicioso ou não autorizado relacionado, que tenham sido detetados ou desativados, incluindo:

    • O identificador da "exploit" de ativação

    • O estado atual da "exploit" de ativação, por exemplo, limpa ou colocada em quarentena

    • Identificação do fabricante original do equipamento

    • O nome do ficheiro da "exploit" de ativação e hash do ficheiro, assim como um hash de componentes de software relacionados, que possa indicar a presença de uma "exploit" de ativação

  • O nome e um hash do conteúdo do ficheiro de instruções de arranque do computador (habitualmente denominado ficheiro de arranque) para nos ajudar a descobrir "exploits" de ativação que modifiquem este ficheiro.

Quando são recolhidos os dados?

As ferramentas de software Microsoft genuíno recolhem os dados descritos acima com a seguinte periodicidade:

  • Em computadores com o Windows Vista SP1 e service packs posteriores, os dados são recolhidos após a instalação da Atualização de Deteção de Exploits de Ativação do Windows para Windows Vista. Adicionalmente, são recolhidos e enviados dados para a Microsoft a cada 30 dias, mesmo que não sejam detetados exploits de ativação; não são enviados dados a partir do Windows Vista RTM.

  • Em computadores com o Windows 7, os dados são recolhidos após a instalação da Atualização das Tecnologias de Ativação do Windows para Windows 7. Adicionalmente, são recolhidos e enviados dados para a Microsoft a cada 90 dias, mesmo que não sejam detetados exploits de ativação. No entanto, se a Atualização das Tecnologias de Ativação do Windows para Windows 7 detetar que ficheiros essenciais do Windows foram adulterados, os dados recolhidos nesse computador serão enviados a cada 7 dias, até ser detetada uma versão genuína do Windows.

Nota: Os detalhes sobre os dados recolhidos durante a ativação do software Microsoft podem ser encontrados na declaração de privacidade desse produto.

Como são utilizados os dados?

Utilizamos as informações para:

  • Contribuir para impedir o uso de software indevidamente licenciado.

  • Melhorar o nosso software e os nossos serviços.

  • Criar estatísticas agregadas.

Poderemos também partilhar dados agregados com terceiros, tais como fornecedores de hardware e software e titulares de licenças em volume para ajudar a proteger as chaves de licença dos mesmos. A Microsoft não utiliza nem partilha estas informações para o identificar o contactar, exceto para impedir e mitigar a utilização não licenciada do produto.

Que controlos estão disponíveis?

Os utilizadores podem personalizar alguns aspetos do componente Notificações no Windows XP. Se o componente estiver instalado, clique com o botão direito do rato no ícone Notificações, no tabuleiro do sistema, para obter mais informações sobre os controlos disponíveis.

Alterações à declaração de privacidade

A presente declaração de privacidade poderá ser ocasionalmente atualizada Quando tal acontecer, a data da "última atualização" no início da declaração de privacidade será atualizada. Recomendamos que consulte periodicamente a presente declaração de privacidade para se manter informado sobre o modo como a Microsoft protege as suas informações.

Para obter mais informações

Se tiver dúvidas sobre a presente declaração ou se achar que não a estamos a cumprir, contacte-nos utilizando o nosso formulário Web. Ou pode enviar correio para:

Microsoft Privacy
Microsoft Corporation
One Microsoft Way
Redmond, Washington 98052