Escolher um método de recuperação avançado

Os métodos avançados disponíveis em Recuperação no Painel de Controlo podem repor um estado utilizável do Windows se estiver muito danificado.

O primeiro método utiliza um tipo de cópia de segurança chamado imagem do sistema, que é necessário ter criado anteriormente. O segundo método reinstala o Windows, a partir de uma imagem de recuperação fornecida pelo fabricante do computador ou a partir dos ficheiros de instalação do Windows originais.

Aviso

  • Ambos os métodos podem resultar na perda de dados. Antes de iniciar qualquer um dos métodos, ser-lhe-á pedido que faça uma cópia de segurança dos ficheiros pessoais para uma localização externa, tal como um disco rígido USB. Depois de a recuperação ser concluída, pode reinstalar os programas utilizando os discos ou ficheiros de instalação originais ou restaurar os ficheiros pessoais.

Para aceder a métodos de recuperação avançada:

  1. Abra a Recuperação clicando no botão IniciarImagem do botão Iniciar e clicando em Painel de Controlo. Na caixa de pesquisa, escreva recuperação e, em seguida, clique em Recuperação.

  2. Clique em Métodos de recuperação avançada.

Mostrar tudo

Restaurar ficheiros a partir de uma cópia de segurança da imagem do sistema

Para utilizar esta opção terá de ter criado previamente uma imagem do sistema. Uma imagem do sistema é uma cópia de segurança personalizada da partição que contém o Windows e inclui programas e dados do utilizador, tais como, documentos, imagens e música. Para mais informações, consulte O que é uma imagem do sistema?

Em geral, se tiver criado uma imagem de sistema previamente, esta opção é melhor porque a maioria dos ficheiros, programas e definições é preservada na imagem do sistema. Só necessitará de reinstalar ou restaurar quaisquer programas, actualizações ou ficheiros que tenha adicionado após a data em que criou a imagem do sistema. No entanto, se a imagem do sistema tiver sido efectuada recentemente, há uma hipótese de poder conter o problema que está a tentar corrigir.

Repor as definições originais do Windows ou do computador

Pode utilizar este método se não tiver uma imagem de sistema ou se pretende desinstalar completamente todos os programas e repor o Windows para a condição original ou de "fábrica". Necessitará de reinstalar todos os programas que adicionou e de restaurar todos os ficheiros.

Este método apresentará uma de duas opções, consoante a que tenha sido seleccionada pelo fabricante do computador:

  • Repor as definições de fábrica do computador. Esta opção elimina tudo o que existir no computador, incluindo todos os ficheiros e quaisquer programas que tenha instalado, substituindo tudo por uma imagem de recuperação fornecida pelo fabricante do computador. A imagem de recuperação contém o Windows e pode incluir programas que vieram pré-instalados no computador. Será necessário restaurar os ficheiros de utilizador e reinstalar os programas que instalou utilizando os discos ou ficheiros de instalação originais.

  • Reinstalar o Windows. Esta opção reinstala o Windows no computador. Será necessário restaurar os ficheiros de utilizador e reinstalar os programas que instalou utilizando os discos ou ficheiros de instalação originais.

    Nota

    • Ao repor as definições originais do Windows não elimina completamente tudo o que está no computador. Os programas são eliminados, mas os ficheiros de utilizador são guardados na pasta Windows.old no disco rígido, que poderá percorrer após a conclusão da reinstalação. No entanto, pode fazer cópias de segurança de quaisquer ficheiros de utilizador antes de utilizar este método. Por exemplo, se tiver ficheiros encriptados poderá não conseguir aceder aos mesmos após a instalação do Windows. Se tiver feito uma cópia de segurança dos seus ficheiros de utilizador e em seguida os tiver restaurado após a reinstalação do Windows, poderá eliminar a pasta Windows.old.