Importando arquivos para o Windows Movie Maker: perguntas freqüentes

A seguir estão as respostas para algumas dúvidas comuns sobre importação de arquivos.

Mostrar tudo

O que significa importação de arquivos?

A importação de arquivos significa trazer arquivos de mídia digital para o Windows Movie Maker para que você possa trabalhar com eles em projetos diferentes.

Por que importar arquivos no Windows Movie Maker?

Você deve importar arquivos de vídeo, áudio ou imagem no Windows Movie Maker para poder usá-los nos seus projetos. Em um projeto, você seleciona, organiza e edita clipes, transições e efeitos até que tenha tudo que deseja para personalizar o filme publicado.

É importante observar que o Windows Movie Maker não armazena uma cópia dos arquivos de origem; em vez disso, é criada uma referência ao arquivo original que é exibido no Windows Movie Maker como um clipe. Dessa maneira, as edições feitas no Windows Movie Maker não afetam o arquivo original. Você pode editar clipes de áudio e de vídeo, ou imagens no Windows Movie Maker e ter certeza de que os arquivos de áudio, vídeo ou imagem originais permanecerão inalterados.

O que acontece quando importo arquivos no Windows Movie Maker?

O Windows Movie Maker cria uma pasta de novas coleções e importa o clipe (ou clipes) resultante diretamente nessa pasta. Se você quiser importar os arquivos em uma pasta de coleções já existente, verifique se o painel Coleções é exibido e selecione a pasta desejada.

Que tipos de arquivos posso importar?

Você pode importar arquivos com as seguintes extensões de nome de arquivo no Windows Movie Maker a fim de usá-los em projetos:

  • Arquivos de vídeo: .asf, .avi, dvr-ms, .m1v, .mp2, .mp2v, .mpe, .mpeg, .mpg, .mpv2, .wm e .wmv

  • Arquivos de áudio: .aif, .aifc, .aiff, .asf, .au, .mp2, .mp3, .mpa, .snd, .wav e .wma

  • Arquivos de imagem: .bmp, .dib, .emf, .gif, .jfif, .jpe, .jpeg, .jpg, .png, .tif, .tiff e .wmf

Se você quiser importar um arquivo no Windows Movie Maker cuja extensão seja diferente das relacionadas acima, na lista de tipo de arquivo, escolha Todos os Arquivos. O Windows Movie Maker pode importar a maioria dos tipos de arquivo, mas nem todos os tipos funcionarão quando você tentar usá-los para criar um filme.

Os arquivos do tipo Programa de TV Gravado pela Microsoft (com extensão .dvr-ms) que não são protegidos com o uso de gerenciamento de direitos digitais poderão ser importados para o Windows Movie Maker se o computador estiver executando o Windows Vista Home Premium ou o Windows Vista Ultimate.

Alguns recursos do Windows Movie Maker, por exemplo, o Filme Automático, exigem que os arquivos importados tenham permissões para leitura e gravação.

De onde posso importar arquivos?

Você pode importar arquivos de mídia de qualquer local que seu computador possa acessar: o disco rígido, um CD, um local de rede compartilhado ou uma mídia removível, como uma unidade flash USB.

Como importar arquivos?

  1. Clique em Arquivo e, em seguida, em Importar Itens de Mídia.

  2. Navegue até o arquivo que deseja importar e clique em Importar.

Dica

  • Você pode importar vários arquivos de uma vez. No caso de arquivos consecutivos, clique no primeiro arquivo da lista, pressione e mantenha pressionada a tecla SHIFT e clique no último arquivo da lista. No caso de arquivos não consecutivos, pressione e mantenha pressionada a tecla CTRL e clique em cada arquivo que deseja importar.