Menus, botões, barras de rolagem e caixas de seleção são exemplos de controles que funcionam com o mouse ou teclado. Esses controles permitem selecionar comandos, alterar configurações ou trabalhar com janelas. Esta seção descreve como reconhecer e usar controles que você encontrará com freqüência ao usar o Windows.

Usando menus

A maioria dos programas contém dezenas ou até centenas de comandos (ações) que você usa para trabalhar. Muitos desses comandos estão organizados em menus. Como no cardápio de um restaurante, um menu de programa mostra uma lista de opções. Para manter a tela organizada, os menus ficam ocultos até que você clique em seus títulos na barra de menus, localizada imediatamente abaixo da barra de título. Por exemplo, o clique em "Imagem" na barra de menus do Paint exibe o menu Imagem:

Ilustração do menu Imagem no Paint
O clique em uma palavra na barra de menus abre um menu

Para escolher um dos comandos listados em um menu, clique nele. Às vezes aparece uma caixa de diálogo, na qual é possível selecionar mais opções. Se um comando estiver indisponível e não for possível clicar nele, esse comando será mostrado em cinza, como o comando Cortar na imagem.

Alguns itens de menu não são comandos. Na realidade, eles abrem outros menus. Na figura a seguir, um submenu é aberto quando você aponta para "Zoom". Se você apontar para "Personalizar" no submenu, um outro submenu será aberto.

Imagem de um menu e de um submenu
Alguns comandos de menu abrem submenus

Se você não vir o comando que deseja, tente olhar em outro menu. Mova o ponteiro do mouse pela barra de menus e eles se abrirão automaticamente, sem que você precise clicar na barra de menus outra vez. Para fechar um menu sem selecionar nenhum comando, clique na barra de menus ou em alguma outra parte da janela.

Nem sempre é fácil reconhecer menus, porque nem todos os controles de menu se parecem ou são exibidos em uma barra de menus. Como identificá-los então? Quando você vir uma seta ao lado de uma palavra ou imagem, é provável que seja um controle de menu. Veja alguns exemplos:

Imagem de controles de menu no Windows
Exemplos de controles de menu

Dicas

  • Se um atalho de teclado estiver disponível para um comando, ele será mostrado ao lado do comando.

  • Você pode usar o teclado, em vez do mouse, para operar com os menus. Consulte Usando o teclado.

Usando barras de rolagem

Quando um documento, uma página da Web ou uma imagem excede o tamanho da janela, barras de rolagem aparecem para permitir que você veja as informações que estão fora de visão no momento. A figura a seguir mostra as partes de uma barra de rolagem.

Imagem das barras de rolagem horizontal e vertical
Barras de rolagem horizontal e vertical

Para operar com uma barra de rolagem:

  • Clique nas setas de rolagem para cima ou para baixo para percorrer o conteúdo da janela em pequenas etapas. Mantenha o botão do mouse pressionado para rolar continuamente.

  • Para rolar uma página para cima ou para baixo, clique em uma área vazia de uma barra de rolagem acima ou abaixo da caixa de rolagem.

  • Arraste uma caixa de rolagem para cima, para baixo, para a esquerda ou para a direita para rolar a janela nessa direção.

Dica

  • Se o mouse tiver uma roda de rolagem, você poderá usá-la para percorrer os documentos e as páginas da Web. Para rolar para baixo, role a roda para trás (em direção a você). Para rolar para cima, role a roda para frente (em direção contrária a você).

Usando botões de comando

Um botão de comando executa um comando (uma ação) quando você clica nele. Você os verá com mais freqüência em caixas de diálogo, que são pequenas janelas contendo opções para concluir uma tarefa. Por exemplo, se fechar uma imagem do Paint sem salvá-la primeiro, você verá uma caixa de diálogo como esta:

Imagem de uma caixa de diálogo do Paint
Caixa de diálogo com três botões

Para fechar a imagem, clique primeiro no botão Sim ou Não. Clique em Sim para salvar a imagem e as alterações feitas; clique em Não para excluir a imagem e descartar as alterações feitas. Se clicar em Cancelar, a caixa de diálogo será descartada e você retornará ao programa.

Dica

  • Pressionar a tecla ENTER é o mesmo que clicar em um botão de comando que esteja selecionado.

Fora das caixas de diálogo, a aparência dos botões de comando varia, por isso às vezes é difícil saber o que é um botão e o que não é. Por exemplo, os botões de comando costumam ser exibidos como pequenos ícones (imagens) sem texto ou moldura retangular. A figura abaixo mostra vários botões de comando:

Imagem de vários botões de comando no Windows
Exemplos de botões de comando

A maneira mais confiável de determinar se um item é um botão de comando é colocar o ponteiro do mouse sobre ele. Se ele "acender" e surgir um contorno retangular em torno dele, trata-se de um botão. A maioria dos botões também exibe algum texto descrevendo sua função quando você aponta para eles:

Imagem de um ponteiro do mouse no botão Apresentação de Slides com informações sobre o botão exibido
A ação de apontar para um botão geralmente faz com que seja exibido um texto sobre o botão

Se um botão se dividir em duas partes quando você apontar para ele, trata-se de um botão de divisão. Clique na parte principal do botão para executar um comando ou clique na seta para abrir um menu com mais opções.

Imagem de botões de divisão
Botões de divisão se dividem em duas partes quando você aponta para eles

Usando botões de opção

Os botões de opção permitem escolher entre duas ou mais opções. Normalmente aparecem em caixas de diálogo. A figura abaixo mostra três botões de opção. A opção "Inverter verticalmente" está selecionada.

Imagem de botões de opção
O clique em um botão seleciona esta opção

Para selecionar uma opção, clique em um dos botões. Somente é possível selecionar uma opção.

Usando caixas de seleção

As caixas de seleção permitem selecionar uma ou mais opções independentes. Ao contrário dos botões de opção, que restringem sua escolha a uma opção, as caixas de seleção permitem que você escolha várias opções ao mesmo tempo.

Imagem de caixas de seleção com o ponteiro do mouse em uma caixa de seleção vazia
Clique em uma caixa de seleção vazia para selecionar esta opção

Para operar com caixas de seleção:

  • Clique em um quadrado vazio para selecionar ou "ativar" esta opção. Uma marca de seleção aparecerá no quadrado, indicando que a opção foi selecionada.

  • Para desativar uma opção, desmarque (remova) sua marca de seleção clicando nela.

  • Opções que não podem ser selecionadas ou desmarcadas no momento são mostradas em cinza.

Usando controles deslizantes

Um controle deslizante permite ajustar uma configuração em um intervalo de valores. Ele tem a seguinte aparência:

Imagem de um controle deslizante
A ação de mover o controle deslizante altera a velocidade do ponteiro

Um controle deslizante ao longo da barra mostra o valor selecionado no momento. No exemplo acima, o controle deslizante está posicionado no meio do caminho entre Lenta e Rápida, indicando uma velocidade média do ponteiro.

Para operar com um controle deslizante, arraste-o em direção ao valor que deseja.

Usando caixas de texto

Uma caixa de texto permite digitar informações, como senha ou termo de pesquisa. A figura abaixo mostra uma caixa de diálogo contendo uma caixa de texto. Digitamos "urso" na caixa de texto.

Imagem de uma caixa de texto
Exemplo de uma caixa de texto em uma caixa de diálogo

Uma linha vertical intermitente chamada cursor indica onde aparecerá o texto que você digitar. No exemplo, você pode ver o cursor após o "o" de "urso". É possível mover facilmente o cursor clicando na nova posição. Por exemplo, para adicionar uma palavra antes de "urso", primeiro você move o cursor e clica antes do "u".

Se você não vir um cursor na caixa de texto, significa que a caixa de texto não está pronta para digitação. Primeiro clique na caixa e só depois comece a digitar.

Caixas de texto que exigem senhas geralmente ocultam a senha quando você a digita, para o caso de alguém estar olhando para sua tela.

Imagem de uma senha em uma caixa de texto
Caixas de texto que exigem senhas geralmente ocultam a senha

Usando listas supensas

Listas suspensas são semelhantes a menus. Entretanto, em vez de clicar em um comando, você escolhe uma opção. Quando estão fechadas, as listas suspensas mostram somente a opção selecionada no momento. As outras opções disponíveis ficam ocultas até que você clique no controle, como mostra a figura abaixo:

Imagem de uma lista suspensa
Uma lista suspensa fechada (à esquerda) e aberta (à direita)

Para abrir uma lista suspensa, clique nela. Para escolher uma opção na lista, clique na opção.

Usando caixas de listagem

Uma caixa de listagem exibe uma lista de opções para você escolher. Ao contrário da lista suspensa, as opções (todas ou algumas) já estão visíveis, sem que seja necessário abrir a lista.

Imagem de uma caixa de listagem
Caixa de listagem

Para escolher uma opção na lista, clique nela. Se a opção desejada não estiver visível, use a barra de rolagem para rolar a lista para cima ou para baixo. Se a caixa de listagem tiver uma caixa de texto acima dela, você poderá digitar o nome ou valor da opção.

Usando guias

Em algumas caixas de diálogo, as opções são divididas em duas ou mais guias. Somente uma guia (um conjunto de opções) pode ser visualizada por vez.

Imagem de guias
Guias

A guia selecionada no momento aparece na frente das outras guias. Para alternar para outra guia, clique nela.