Quando confiar em um email

Estas informações se aplicam ao Windows Internet Explorer 7 e ao Windows Internet Explorer 8.

O email é uma ótima maneira de manter contato com outras pessoas. Infelizmente, ele também pode expor o computador a riscos de segurança, vírus de computador e softwares potencialmente mal-intencionados, se você não for cuidadoso quanto às mensagens e aos anexos que abrir. Antes de abrir um email ou um anexo, verifique se você tem um programa antivírus instalado e atualizado. Esse programa deve ser configurado para examinar mensagens à medida que forem recebidas (em tempo real) e todos os tipos de anexos de arquivos.

Responda as perguntas a seguir para decidir se deve abrir um email ou anexo.

Mostrar tudo

Você conhece a pessoa que enviou o email para você?

A mensagem vem de uma pessoa ou organização que você conhece e confia? Se a mensagem for de alguém desconhecido, tenha cuidado. Se ela parecer ser de alguém conhecido, suspeite de linhas de assunto estranhas ou inapropriadas, por exemplo RE: Seu arquivo ou anexos que contêm arquivos de programas (arquivos executáveis), por exemplo preço.exe. Muitos vírus podem imitar endereços de email para fazer com que a mensagem pareça ter sido enviada por alguém conhecido.

Você já recebeu email desse remetente antes?

Se você conhecer a pessoa ou empresa que enviou a mensagem, mas nunca recebeu email dela antes, procure descobrir porque está recebendo uma mensagem agora. Verifique o texto na linha Assunto e o nome do arquivo anexo, se houver. Se qualquer um deles parecer suspeito, exclua a mensagem ou examine-a com um software antivírus antes de abri-la.

Você estava esperando email desse remetente?

Você estava esperando uma mensagem ou um anexo desse remetente com o assunto ou nome de arquivo? Se não estava, envie um email separado para o remetente (não clique em Responder) e pergunte se ele realmente enviou essa mensagem.

A linha de assunto ou o nome do arquivo anexo faz sentido?

O lixo eletrônico e os vírus normalmente usam caracteres ou palavras aleatórias na linha de assunto ou no nome do arquivo anexado para serem ignorados por filtros de conteúdo ou spam. Uma mensagem inesperada de um amigo com palavras incoerentes na linha de assunto pode ser enviada por um vírus que imita (ou falsifica) o endereço de email do seu amigo. As mensagens com linhas de assunto que instigam você a fazer algo, por exemplo, "Importante! Abra o anexo imediatamente!", podem indicar que não é seguro abrir o email. Um anexo com uma extensão de nome de arquivo dupla, por exemplo, Exemplo.jpg.exe, não é um arquivo que seja enviado normalmente por alguém e pode ser um vírus.

Observação

  • Antes de abrir um email que contenha um anexo, verifique se o programa antivírus está atualizado e ativo (isso permite examinar anexos).