Configurando vários gateways em uma rede


Se você tiver vários adaptadores de rede no computador e configurar um gateway padrão (que cria um roteamento padrão na tabela de roteamento IP para todos os destinos que não estão localizados em uma sub-rede) para cada adaptador, as informações na rede podem não ser roteadas para os destinos corretos se você conectar-se a redes não contíguasredes separadas que não foram projetadas para comunicarem-se diretamente. Somente um único gateway é usado para todos os destinos que não estão localizados na sub-rede, mesmo quando você configura vários gateways padrão.Um exemplo disso é quando um computador está conectado a uma intranet com várias sub-redes e à Internet.Com um gateway padrão configurado para os dois adaptadores, você pode comunicar-se com todos os computadores na Internet ou todos os computadores na intranet, mas não ambos.

Para resolver esse problema, faça o seguinte:

  • Configure um gateway padrão para o adaptador de rede que está conectado à rede com a maioria das rotas (geralmente é o adaptador de rede que está conectado à Internet).

  • Não configure um gateway padrão para nenhum outro adaptador de rede.Em vez disso, use rotas estáticas ou protocolos de roteamento dinâmico para adicionar as rotas de outras redes não contíguas à tabela de roteamento IP local.Se a infraestrutura de roteamento usa o protocolo RIP para IPv4, você pode ativar o RIP de Escuta no Windows, que permite que o computador aprenda outras rotas na rede ao "escutar" mensagens RIP de difusão e, em seguida, adicionar rotas IPv4 à tabela de roteamento.Se a infraestrutura de roteamento não usa RIP, você não pode usar o RIP de escuta. A alternativa é usar o comando route add -p para adicionar manualmente rotas individuais à tabela de roteamento IPv4.Para IPv6, você deve usar o comando netsh interface ipv6 add route.

Para configurar um gateway padrão

  1. Para abrir Conexões de Rede, clique no botão IniciarImagem do botão Iniciar e em Painel de Controle. Na caixa de pesquisa, digite adaptador e, na Central de Rede e Compartilhamento, clique em Exibir conexões de rede.

  2. Clique com o botão direito do mouse no adaptador de rede para o qual você deseja configurar um gateway padrão e clique em Propriedades. É necessário ter permissão do administradorSe você for solicitado a informar uma senha de administrador ou sua confirmação, digite a senha ou forneça a confirmação.

  3. Clique na guia Rede.

  4. Em Esta conexão usa estes itens, clique em Protocolo IP Versão 4 (TCP/IPv4) ou Protocolo IP Versão 6 (TCP/IPv6) e, em seguida, clique em Propriedades.

  5. Na caixa de diálogo que é exibida, selecione Obter um endereço IP automaticamente ou Usar o seguinte endereço IP.

    Imagem da caixa de diálogo Propriedades do Protocolo TCP/IP Versão 4 (TCP/IPv4)
    A caixa de diálogo Propriedades do Protocolo TCP/IP Versão 4 (TCP/IPv4)

    Se você configurar o adaptador de rede para obter um endereço IP automaticamente, o gateway padrão será atribuído pelo servidor DHCP.Se você especificar uma configuração alternativa (IPv4 somente), o gateway padrão será o endereço IP na caixa Gateway padrão na guia Configuração Alternativa.Você só pode especificar um gateway padrão.

    Se você especificar manualmente uma configuração de endereço IP, o gateway padrão será o endereço IP na caixa Gateway padrão na guia Geral.

Para ativar o RIP de Escuta

  1. Para abrir Programas e Recursos, clique no botão IniciarImagem do botão Iniciar, em Painel de Controle, em Programas e em Programas e Recursos.

  2. No painel esquerdo, clique em Ativar ou desativar recursos do Windows. É necessário ter permissão do administradorSe você for solicitado a informar uma senha de administrador ou sua confirmação, digite a senha ou forneça a confirmação.

  3. Marque a caixa de seleção RIP de escuta e clique em OK.

Para adicionar rotas manualmente para IPv4

  1. Para abrir a janela Prompt de Comando, clique no botão IniciarImagem do botão Iniciar. Na caixa de pesquisa, digite Prompt de Comando e, na lista de resultados, clique em Prompt de Comando.

  2. No prompt de comando, digite route -p add [destino] [mask <máscara de rede>] [gateway] [metric <métrica>] [if <interface>].

    A tabela a seguir descreve os parâmetros para o comando route -p add.

    Parâmetro
    Descrição

    destino

    Especifica o destino da rede da rota.O destino pode ser um endereço IP ou um prefixo de sub-rede (também conhecido como endereço de rede ou identificador de rede), em que os bits do host do prefixo são definidos como 0), um endereço IP para uma rota de host ou 0.0.0.0 para a rota padrão.

    mask

    Especifica a máscara de sub-rede associada ao destino da rede.A máscara de sub-rede pode ser adequada para um endereço IP ou prefixo de sub-rede, 255.255.255.255 para uma rota do host ou 0.0.0.0 para a rota padrão.Se for omitida, a máscara de sub-rede 255.255.255.255 será usada.Por causa da relação entre o destino e a máscara de sub-rede em definir rotas, o destino não pode ser mais específico que a máscara de sub-rede correspondente.Em outras palavras, não pode ser um bit definido como 1 no destino se o bit correspondente na máscara de sub-rede for 0.

    gateway

    Especifica o encaminhamento ou o endereço IP para o próximo salto por meio do qual o conjunto de endereços definido pelo destino da rede e a máscara de sub-rede é atingido.Para rotas de sub-rede anexadas localmente, o endereço do gateway é o endereço IP atribuído à interface anexada à sub-rede.Para rotas remotas (disponíveis em um ou mais roteadores), o endereço do gateway é um endereço IP alcançável diretamente atribuído a um roteador vizinho.

    metric

    Especifica um valor métrico de custo inteiro (variando de 1 a 9999) para a rota, que é usado ao escolher entre várias rotas na tabela de roteamento que mais corresponde ao endereço de destino de um pacote sendo encaminhado.A rota com a métrica inferior é escolhida.A métrica pode refletir o número de saltos, a velocidade do caminho, a confiabilidade do caminho, a taxa de transferência do caminho ou propriedades administrativas.

    if

    Especifica o índice da interface pela qual o destino é alcançável.Para obter uma lista de interfaces e seus índices de interface correspondentes, use a exibição do comando route print.Você pode usar valores decimais ou hexadecimais para o índice de interface.Para valores hexadecimais, preceda o número hexadecimal com 0x.Quando o parâmetro if é omitido, a interface é determinada do endereço de gateway.

    Com o parâmetro -p, a rota especificada é adicionada ao Registro e é usada para inicializar a tabela de roteamento IP sempre que o protocolo TCP/IP é iniciado.

Para adicionar rotas manualmente para IPv6

  1. Para abrir a janela Prompt de Comando, clique no botão IniciarImagem do botão Iniciar. Na caixa de pesquisa, digite Prompt de Comando e, na lista de resultados, clique em Prompt de Comando.

  2. No prompt de comando, digite netsh interface ipv6 add route [prefix=]<endereço IPv6>/<inteiro> [interface=]<cadeia de caracteres> [[nexthop=]<endereço IPv6>] [[siteprefixlength=]<inteiro>] [[metric=]<inteiro>] [[publish=]<valor>] [[validlifetime=]<inteiro>|infinite] [[preferredlifetime=]<inteiro>] [[store=]<valor>].

    A tabela a seguir descreve os parâmetros para o comando netsh interface ipv6 add route.

    Parâmetro
    Descrição

    prefix

    Endereço ou prefixo de sub-rede ao qual uma rota será adicionada.

    interface

    Nome ou índice de interface.

    nexthop

    Endereço de gateway, se o prefixo não estiver no link.

    siteprefixlength

    Comprimento de prefixo para o site inteiro, se estiver no link.

    metric

    Métrica de rota.

    publish

    Representa um dos seguintes valores:

    • no:não anunciado nos Anúncios de Rota (padrão)

    • age:anunciado nos Anúncios da Rota com tempo de vida finito

    • yes:anunciado nos Anúncios da Rota com tempo de vida infinito

    Quando publish for definido como "age", o Anúncio de Rota conterá o tempo de vida válido restante até a exclusão. Quando publish for definido como "yes", a rota nunca será excluída, seja qual for o valor de validlifetime, e cada Anúncio de Rota conterá o (mesmo) tempo de vida válido especificado.Quando publish for definido como "no" ou "age", a rota será excluída após o fim do tempo de vida válido.

    validlifetime

    Tempo de vida no qual a rota é válida expresso em dias, horas, minutos e segundos (por exemplo:1d2h3m4s). O valor padrão é "infinite".

    preferredlifetime

    Tempo de vida no qual a rota é preferida. O padrão é igual ao tempo de vida válido.

    store

    Representa um dos seguintes valores:

    • active:a alteração dura somente até a próxima inicialização

    • persistent:a alteração é persistente (padrão)



Precisa de mais ajuda?